Mato Grosso, Terça, 21 de Maio de 2019
Policia | bêbados e bravos
Quinta, 14 de Março de 2019
Dupla é presa por perturbação e ameaça contra policiais militares em Nova Ubiratã
Fotografia:Arquivo (ubirata24horas)

Dois homens de 28 e 38 anos, que não tiveram as identidades reveladas, foram presos sob acusação de perturbação do sossego alheio, resistência à prisão e ameaças contra policiais militares de Nova Ubiratã.

 

O caso foi registrado, na noite da última segunda-feira (11), quando policiais averiguavam uma denúncia de poluição sonora em uma residência da rua Pernambuco, área central do município.

 

Segundo o boletim de ocorrências registrado pela PM, no local haviam seis homens fazendo consumo de bebidas alcólicas e ouvindo música em um veículo Fiat Strada, de cor preta.

 

Os militares teriam então solicitado que o proprietário do veículo diminuísse o volume do som automotivo o que foi negado.

 

Ainda de acordo com a corporação, inconformado um dos suspeitos teria partido 'pra cima' da guarnição em tom intimidador.

 

Na tentativa de cessar a investida, os militares precisaram sacar suas armas e acionar apoio colegas que estavam em período de descanso.

 

Houve tumulto e os dois suspeitos precisaram ser imobilizados e algemados.

 

Em seguida eles foram conduzidos a Delegacia de Polícia Judiciária Civil de onde foram liberados mediante a uma fiança arbitrada pela autoridade policial. No entanto, o valor pago não foi divulgado.

 

Já o veículo e o equipamento de som, avaliado em aproximadamente R$ 10 mil, foram apreendidos como prova de materialidade do crime.

 

Segundo o subcomandante do 1º Pelotão da PM, Sargento Ildo Lima, os policiais envolvidos na ocorrência manifestaram interesse em representar contra a dupla.

 

“A Polícia Militar não irá, em hipótese alguma, admitir esse tipo de conduta delituosa. Quero aproveitar a ocasião e reforçar que estamos intensificando as fiscalizações para coibir a incidencia do crime de pertubação de sossego, seja oriundo de veículos ou até mesmo de residências”, asseverou o militar.

 

 

 

Fonte:Redação
Autor:Nilva Santos
FOTOS DA NOTÍCIA