Mato Grosso, Domingo, 07 de Março de 2021
Cidades | call center
Quarta, 20 de Janeiro de 2021
Vereador de Nova Ubiratã sugere criação de Central de Informações da Covid-19
Fotografia:Divulgação

O vereador Sidney Ferreira (DEM) sugeriu para a Secretária de Saúde, Izabel Salinas, durante reunião realizada na Câmara Municipal, que seja disponibilizado para a população de Nova Ubiratã a Central de Informações da COVID-19.

 

A sugestão do vereador é que tenha um número de telefone exclusivo para fornecer informações e sanar dúvidas sobre o coronavírus, que esse número receba mensagens via whatsapp e ligações, nos quais profissionais de saúde estarão de plantão para orientar e prestar esclarecimentos à população que apresentar sintomas gripais ou os sintomas característicos do coronavírus (coriza, tosse, dor de garganta, possivelmente dor de cabeça e febre, que pode durar alguns dias), além do histórico de viagem ou contato com pessoas contaminadas, inclusive àquelas que residem no interior e que não tem acesso à internet. 

 

O objetivo da Central Covid-19, além de esclarecer possíveis dúvidas da população é fazer o melhor encaminhamento para solução mais rápida do problema.

 

"A ideia é que o ′call center′ do coronavírus fique sob responsabilidade de uma equipe técnica da Secretaria Municipal de Saúde para ajudar a população. Quem tiver dúvidas, precisar de orientação sobre quando os sintomas podem ser relacionados à doença, qual unidade de saúde procurar e qualquer outra dúvida relacionada a Covid-19, terá esse número à disposição", explica o Vereador, Sidney Ferreira. 

 

 A doença 

O coronavírus pode causar infecção respiratória bem como a Síndrome Respiratória Aguda Grave (Sars) e a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (Mers). A doença causada pelo novo coronavírus foi batizada de Covid-19 e descoberta no final de 2019. O primeiro país a ter um caso registrado foi a China.

 

A doença pode ser transmitida pelo ar (vias respiratórias), por contato físico (beijo, abraço ou aperto de mão) ou contato com superfícies contaminadas (celulares, maçanetas, teclas, apoios de transporte público e etc). Os sintomas mais comuns a serem apresentados são: tosse, febre (acima de 37º), dores no corpo e nos casos mais graves insuficiência renal e dificuldade respiratória.

 

A melhor maneira de se prevenir é manter as mãos e as superfícies sempre higienizadas. Outra maneira importante de evitar a doença é não tocar os olhos, nariz e boca. Pessoas que já tiveram outras doenças podem apresentar casos mais graves se contraírem o novo coronavírus. O uso de máscaras é recomendado apenas para pacientes que tiveram o exame de Covid-19 confirmado ou para quem está em contato com alguém com sintomas de gripe.

 

Fonte:Redação/Assessoria
Autor:Hueliton Mendes
FOTOS DA NOTÍCIA