Mato Grosso, Sexta, 14 de Agosto de 2020
Cidades | Sustentabilidade
Sexta, 31 de Julho de 2020
Sorriso adere ao LEVO e óleo de cozinha residual passa a ter destino correto
Fotografia:Reprodução

O município é o terceiro de MT a integrar a ação promovida pela Teoria Verde e Biomavi Reciclagem.

 

Ele é usado para cozinhar, mas, se seu resíduo entrar em contato com o solo, o estrago pode ser grande: destruição de vegetação, diminuição do oxigênio no solo, alteração do ecossistema e até o extermínio de algumas espécies da vida aquática. Pois é, aquele inocente óleo vegetal que fritou a batatinha, é capaz de resultar em danos irreversíveis ao meio ambiente.

 

Para garantir o destino correto deste resíduo, tanto de restaurantes, lanchonetes, ou de residências, a Prefeitura de Sorriso aderiu ao projeto LEVO (Local de Entrega Voluntária de Óleo), que disponibiliza pontos de coleta de óleo de cozinha usado para reciclagem. A iniciativa, promovida pela Teoria Verde e Biomavi Reciclagem, também conta com a parceria da FS Bioenergia no município, que fez a doação dos contêineres para acondicionar óleo recebido até a coleta.

 

Às 15 horas de amanhã (30), na Escola Municipal Professora Ivete Lourdes Arenhardt, será feita a apresentação oficial do projeto, lembrando que, por conta da pandemia do novo coronavírus, o Sars-CoV-2, que provoca a Covid-19, participarão da solenidade os profissionais e autoridades diretamente ligados ao projeto e serão rigorosamente seguidas as regras de distanciamento, utilização de máscaras faciais e de álcool 70.

 

A coordenadora de Coleta Seletiva de Sorriso, Lucyellen Garcia, explica que foram dispostos pontos de coleta em todas as unidades da rede municipal de Educação, tanto da cidade, quanto dos distritos, à exceção do Cemeis São José, que fica bem próximo à Escola Municipal Gente Sabida, onde já há um ponto de coleta.

 

O recolhimento será feito pela Biomoavi e, para cada litro de óleo residual arrecadado, a unidade escolar recebe R$ 0,60. Os recursos devem ser investidos na própria unidade. Além do incentivo financeiro, a Teoria Verde promoverá ações de educação ambiental nas escolas, amplificando assim o trabalho para sensibilizar as novas gerações sobre a necessidade de um modo de vida mais sustentável.

 

Sorriso é o terceiro município de Mato Grosso a aderir ao Levo, que já está sendo viabilizado em Cuiabá e Várzea Grande.  A ação de dar um destino adequado ao óleo residual já foi promovida no município em outras oportunidades, promovida pela Prefeitura junto a outras empresas. “Percebemos uma mobilização já nos primeiros dias de divulgação e esperamos que logo todos possam aderir a esta proposta de destinação correta do óleo de cozinha, garantindo a preservação do meio ambiente e também a promoção de mais ações de educação ambiental”, reforça Lucy.

 

Para destinar o resíduo é bem simples: é preciso aguardar o óleo esfriar, colocar em uma garrafa pet (que também será reciclada), e levar aos pontos de coleta, de segunda à sexta-feira, das 6h30 às 18 horas. Para fazer a entrega, a garrafa precisa estar cheia e o resíduo só pode ser composto por óleos vegetais, visto que a banha de porco, por exemplo, inviabiliza o processo.

 

 

Fonte:Redação/Assessoria
Autor:Nádia Mastella
FOTOS DA NOTÍCIA