Mato Grosso, Terça, 17 de Julho de 2018
Policia | disparo acidental
Quinta, 11 de Janeiro de 2018
Trabalhador rural morre após ser alvejado por tiro no peito em Santiago do Norte
Fotografia:Arquivo/Ubirata24horas

Um homem, identificado até o momento apenas pelo prenome Felipe, cuja idade não foi revelada, morreu nesta quinta-feira (11) vítima de um disparo de arma de fogo na região do tórax. O fato foi registrado em uma fazenda do município de Santiago do Norte. Um colega de trabalho foi quem trouxe a vítima para o Hospital Regional de Sorriso, onde o homem já deu entrada sem vida.

 

Segundo o delegado Nilson Farias, da delegacia de Polícia Civil de Sorriso, a testemunha alega que o homem morreu vítima de um disparo acidental. “Questionei porque trouxeram o homem de um município tão longe para Sorriso e ele [colega de trabalho] informou que seguiu a orientação de um vaqueiro, que é tio da vítima”.

 

Felipe chegou ao HRS sem sinais vitais. Como diligências investigativas, a PJC de Sorriso solicitará à Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) que seja feito exame residuográfico para verificar se tem algum vestígio na testemunha que trouxe a vítima para Sorriso. “Não estamos acusando ninguém. Essa medida é apenas para esclarecer, pois iremos sempre atrás da verdade”, explicou o delegado.

 

Conforme a testemunha disse à PJC, Felipe esporadicamente presta seus serviços para a fazenda onde o fato ocorreu. Dessa vez, ele teria ido ao local para semear o pasto. “A testemunha disse que saiu de perto e quando retornou encontrou outro colega de trabalho nervoso dizendo que a arma teria disparado e teria acertado o tórax de Felipe”.

 

A arma, segundo o delegado, trata-se de uma espingarda, calibre 22. Posteriormente ao exame da Politec e demais procedimentos adotados pela Polícia Civil de Sorriso, tudo será encaminhado à delegacia de Paranatinga, responsável pelas investigações de Santiago do Norte, segundo Farias.

Fonte:Portal Sorriso
Autor:Luana Rodrigues
FOTOS DA NOTÍCIA