Mato Grosso, Terça, 12 de Dezembro de 2017
Policia | CRIME BÁRBARO
Domingo, 01 de Outubro de 2017
Jovem de 20 anos é preso acusado de matar trabalhador rural com golpes de facão em Nova Ubiratã
Fotografia:Divulgação PM

Thaylo Vasconcelos da Silva, de 20 anos, foi preso pela Polícia Militar acusado pelos crimes de homicídio, ocultação de cadáver e furto.

 

A ocorrência foi registrada neste sábado (30), no distrito de Entre Rios situado a 150 quilômetros de Nova Ubiratã, e vitimou o trabalhador rural Avelino Simplício, de 56, anos morto após ser atingido por vários golpes de facão..

 

Após receber a denuncia do suposto homicídio, uma guarnição composta pelos policiais militares; Sargento Ildo Lima, Cabo Marcelo Silva e o soldado Reis de Loliveira, seguiu até o local apontado onde conseguiu levantar as características do autor do crime.

 

Em continuidade as diligências, os militares se deslocaram até uma madeireira situada nas proximidades do distrito de Santa Terezinha do Rio Ferro, 110 km de Nova Ubiratã.

 

No local além do suspeito do crime foi encontrada uma motocicleta Suzuki, de cor preta, de propriedade da vitima.

 

Diante das evidências o suspeito confessou a autoria do crime e apontou o local exato onde havia escondido o corpo do trabalhador rural.

 

De acordo com a PM, a vitima foi encontrada a cerca de 20 metros do local do crime e apresentava diversos cortes, causados por golpes de facão, na altura do rosto, cabeça, membros superiores e mão, deixando claro que a vitima reagiu antes de ser morta.

 

Já a arma do crime foi encontrada no telhado de uma residência próxima.

 

O corpo do trabalhador rural foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Sorriso onde foi submetido a exame de necropsia.

 

A causa da morte não foi revelada, mas a principal linha de investigação é a de latrocínio (roubo seguido de morte), uma vez que a motocicleta da vitima foi encontrada em posse do suspeito.

Fonte:Redação
Autor:Nilva Santos
FOTOS DA NOTÍCIA