Mato Grosso, Sábado, 21 de Abril de 2018
Geral | TRAGÉDIA EM FAMÍLIA
Segunda, 19 de Março de 2018
Bebê escorrega de assento e morre sufocada por cinto de segurança de carrinho em Sinop
Fotografia:Divulgação

Uma bebê de dois meses morreu em Sinop, após escorregar no carrinho em que estava e ficar presa, na região do pescoço, pelo cinto de segurança. O acidente ocorreu no domingo (18) e a bebê, Alice Vitória Viana da Silva, foi enterrada nesta segunda-feira (19) no Cemitério Municipal.

 

Alice chegou a ser socorrida, reanimada e encaminhada ao Hospital Regional de Sinop, mas morreu 6 horas depois. Em nota, a direção do hospital informou que a bebê teve duas paradas cardíacas, não resistindo à segunda tentativa de reanimação por parte da equipe médica.

 

De acordo com a família, o acidente ocorreu quando Alice estava no carrinho em um quarto, na companhia de duas irmãs, também crianças.

 

A mãe relatou que estava na cozinha no momento e que, quando viu o que estava acontecendo, tirou a filha imediatamente do carrinho e chamou o Corpo de Bombeiros, que chegaram à casa poucos minutos depois. De acordo com os bombeiros, a menina foi reanimada e encaminhada com vida para o Hospital Regional.

 

Segundo o hospital, a bebê deu entrada no pronto-socorro com parada cardiorrespiratória por asfixia e os sinais vitais dela foram retomados após manobras de reanimação por 20 minutos por parte da equipe médica.

 

A bebê, então, foi colocada em um leito comum de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) porque o hospital não tem UTI pediátrica. Porém, a menina teve uma nova parada cardíaca e não resistiu à nova reanimação. A reportagem entrou em contato com a Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) sobre a falta de UTI pediátrica no hospital, mas não obteve resposta.

Fonte:Redação/ G1 MT
Autor:Everton Medeiros
FOTOS DA NOTÍCIA